Profissional T-Shaped, como desenvolver?

No meu último post aqui no blog falei sobre as características deste perfil profissional que vem sendo bastante solicitado no mercado de trabalho e prometi falar um pouco mais sobre como a gente pode fazer para nos tornarmos um profissional T ou desenvolver esses profissionais em nossa equipe. Então vamos nessa...

1. Buscar atualização constante. Já que estamos falando de um profissional com conhecimento especializado e generalizado ao mesmo tempo, estudar e se manter atualizado é de suma importância. Fazer cursos, especializações, participar de eventos, congressos ou afins contribuem para isso – lembrando, tanto na sua área de atuação como nas demais também. Se você é um gestor e quer ter profissionais T-Shaped na sua equipe, incentive-os a estudar.

2. Manter um hábito de leitura de conteúdos diversos. Não só a educação formal irá ajudar no seu desenvolvimento. Amplie suas fontes de informação e conhecimento através de um hábito de leitura de diferentes conteúdos, isso contribui para lhe dar uma visão holística e ajuda você a participar de discussões em qualquer contexto. De maneira geral, seja curioso! E estimule a curiosidade de todos ao seu redor.

3. Realizar reuniões de alinhamento. A troca de informações em reuniões gerenciais, setoriais e/ou intersetoriais faz com que os colaboradores entendam o impacto de suas atividades. Gera no colaborador uma visão estratégica do negócio. Pode acarretar em um maior engajamento para resolução de problemas e facilitar a busca de soluções. O espírito de equipe e o sentimento de que todos estão alinhados com a estratégia da empresa é fortalecido quando essas reuniões acontecem de maneira adequada.

4. Montar e/ou participar de equipes multidisciplinares para projetos específicos. Ter pessoas com perfis e expertises diferentes participando do mesmo projeto traz olhares diversificados, isso é fato. Mas além de contribuir para o projeto, essa ação contribuir para o desenvolvimento desses profissionais t-shaped, pois ajuda-os a ampliar sua experiência e sua barra horizontal do “T”. Além disso, a capacidade criativa pode ser acelerada já que estão expostos a diferentes estímulos e vivências.

5. Realizar integração entre áreas/setores. Como falamos no post anterior, o profissional t-shaped não é procurado somente por suas competências técnicas, mas pelas comportamentais também. Se eles estão integrados com as demais áreas, possuem mais empatia, um melhor relacionamento interpessoal e um senso de trabalho em equipe. Conseguem então transitar com mais facilidade. Isso impacta também na comunicação, tornando-a mais ágil e fluida.

Bom, essas são algumas dicas para o desenvolvimento do profissional T-Shaped. Não envolvem grandes investimentos e são relativamente fáceis de serem realizadas, não é mesmo? Então segue o convite: vamos começar a praticar?

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

(92) 99966-9309 | (92) 99602-7419

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca ícone do YouTube
  • Branca Ícone Instagram
Singulari Consultoria SS Ltda
CNPJ 15.691.528/0001-21
Avenida Ephigênio Salles, 1299